Salipi 2017 encerra com show e homenagens

Por: Rodrigo Antunes

Encerramento do salão do livro foi neste domingo e teve show da banda de pop rock Biquíni Cavadão.

Salipi 2017 encerra com show e homenagens Encerramento do Salipi 2017 na UFPI. Foto: Ascom

Após dias de programação intensa, o Salão do Livro do Piauí – Salipi encerrou com show da banda nacional Biquíni Cavadão. Antes, foi realizada uma solenidade com todos os organizadores do evento, quando foi anunciado o homenageado do próximo ano: o escritor e articulista piauiense Arimathéa Tito Filho. 

"Realizamos esse evento com parcerias que são sempre bem vindas. Fazer uma feira como a que fazemos hoje, com muito sucesso, é investir na maior moeda que o Piauí tem, que é nossa inteligência", explicou Kássio Gomes, presidente da Fundação Quixote, entidade responsável pela realização do Salipi. 

Arimatéia Dantas, reitor  da UFPI, confirmou a parceria entre o Salão e a Universidade Federal para 2017. "A Universidade está com suas portas abertas para a comunidade, e o Salipi é uma parte importante dessa interação", disse. 

Realizado no Espaço Rosa dos Ventos, o evento impressiona pela dimensão: foram 10 dias de muita leitura, mais de 100 voluntários, mais de 40 livros lançados, mais de 30 palestras e mesas redonda de bate papo.

Para Kássio, a grande vitória desse ano foi atrair o público jovem. "Nosso público sempre foram as crianças e adultos, e víamos a necessidade de trazer os adolescentes. Esse ano, além de palestrantes voltados para eles, também montamos uma sala do livro digital", explicou o presidente da Fundação Quixote. 

Para o próximo ano, a Fundação busca ampliar o espaço, para que os alunos tenham acesso a mais de dois mil títulos em tablets, além de conteúdo didático, como anatomia, língua portuguesa, enciclopédia.

Com informações da Ascom
 

 

 

Sidebar Informações

Destaques