Pressionado, Flamengo joga em clima de decisão na Colômbia

Por: Rodrigo Antunes

Libertadores: Time precisa vencer para garantir vaga nas oitavas da competição. Torcida fez protestos no embarque para a Colômbia, onde joga contra o Santa Fé.

Pressionado, Flamengo joga em clima de decisão na Colômbia Flamengo treina na Colômbia para jogo desta quarta. Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

Ainda faltam três rodadas para o fim da fase de grupos, mas a partida contra o Santa Fe ganhou ares de decisão para o Flamengo. Pressionado, o time embarcou para a Colômbia sob protestos, mas a situação na Libertadores ainda não é desesperadora. O resultado de quarta será vital para a sequência na competição.

Uma vitória, por exemplo, deixa o Flamengo próximo da vaga. E ainda mais se combinada com o triunfo do River Plate contra o Emelec, na quinta, em Buenos Aires. Nesse caso, brasileiros e argentinos praticamente decidiriam nas duas últimas rodada primeiro e segundo lugar.

Por outro lado, uma derrota em Bogotá causaria um cenário sombrio. O Flamengo sairia da zona de classificação e, para assegurar uma vaga, teria a obrigação de vencer seus próximos dois compromissos. O último, contra o River Plate, no Monumental de Nuñez.

Além disso, o ambiente conturbado tenderia a ficar insustentável. A paciência da torcida está no limite. Apesar da liderança do Grupo 4, os torcedores não engoliram os dois tropeços em casa, quando o time jogou com portões fechados devido à punição da Conmebol. O clima entre torcedores e time não é bom. Líderes do elenco, como Diego, passam por um momento de contestação.

 

Com informações do GloboEsporte

 

 

Sidebar Informações

Destaques