Seleção bate o Japão em jogo teste para Olimpíadas

Por: da Redação

Grupo conseguiu realizar ataques e venceu por 2 a 0 a seleção japonesa. Estréia acontece nesta quarta-feira em Brasília.

Seleção bate o Japão em jogo teste para Olimpíadas Seleção brasileira Foto: IG Olimpiadas

A Seleção Brasileira Olímpica, que nas últimas semanas estava sob olhares atentos de torcedores e críticos, mostrou um desempenho proveitoso em um jogo amistoso realizado contra a seleção do Japão. O jogo aconteceu no último dia 30 no estádio Serra Dourada, em Goiânia, e mostrou que mesmo com novo técnico e equipe ainda em fase de entrosamento, o resultado positivo pôde ser obtido: 2 a zero para a seleção brasileira.

Para o técnico Micale, foi a oportunidade de dar as boas vindas ao grupo e planejar a estréia nos jogos olímpicos. A estréia da seleção acontece nesta quarta-feira (03) contra a seleção da África do Sul. A vitória sobre o Japão encheu a equipe de auto estima. Segundo sites especializados em esporte, a atuação da selação contra a selação japonesa refletiu os constantes treinamentos da equipe .

O time teve posse de bola, boa e constante movimentação - Neymar começou mais pelo lado esquerdo do ataque, posicionamento semelhante ao do Barcelona -, marcou pressão da saída de bola dos japoneses. Por diversas vezes, o trio ofensivo, formado por Neymar, Gabriel Barbosa e Gabriel Jesus, em algumas ocasiões "assessorados" por Rafinha e Felipe Anderson, buscou tabelas. Com sucesso. Os laterais avançaram bastante. E os jogadores de meio de campo atuaram quase sempre como meias - até Thiago Maia.

Pôde ver também, nos 17 minutos em que jogou no esquema 4-2-4 (Luan entrou no lugar de Rafinha), que assim o time fica muito exposto. Logo corrigiu, colocando o volante Walace no lugar de Gabriel Barbosa.

Como sempre acontece nesses amistosos, o ritmo caiu demais no segundo tempo. Neymar começou a apelar demais para os lances individuais; Gabriel Jesus pareceu ter cansado. Mas as arrancadas continuaram acontecendo - e o juiz Wilson Riveiros deixou de marcar algumas faltas claras - e a seleção teve o mérito de continuar no ataque. Precisa, porém, aprimorar a marcação. Mas o início se mostrou bastante promissor para a garotada de Micale.

 

Com informações do IG Olimpíadas

 

 

Sidebar Informações

Destaques