50 agentes penitenciários são nomeados para trabalhar no sistema prisional do PI

Por: Francisca Pinto

Outras 25 nomeações estão previstas para serem efetivadas em abril deste ano.

50 agentes penitenciários são nomeados para trabalhar no sistema prisional do PI Foto: Ascom

Nessa quarta-feira (09), o governador Wellington Dias nomeou cinquenta novos agentes penitenciários para atuarem no sistema prisional do estado. A nomeação é uma das primeiras ações de segurança pública do novo mandato do governador. Outras 25 nomeações estão previstas para serem efetivadas em abril deste ano.

Para o governador, o reforço no efetivo de agentes penitenciários faz parte da política de classificação de risco. “É necessário termos a organização na linha pelo nível de risco. Garantir um sistema em que as pessoas possam atuar de forma especial com uma estrutura adequada para cada nível de risco. Assim como na prevenção, na segurança ostensiva, nas delegacias e no sistema prisional”, explicou Wellington.

Os agentes nomeados já estão prontos para atuarem no sistema penitenciário. Capacitados no último curso de formação da Academia Penitenciária do Piauí, os profissionais de segurança passaram por disciplinas humanísticas, como direitos humanos, execução penal, criminologia, inteligência penitenciária, tiro defensivo, além do estágio supervisionado nos diversos estabelecimentos penais da capital e do interior do estado.

“Quero lembrar com muito respeito nossos professores e instrutores. Nós reunimos em comum três coisas: determinação obstinada, sacrifício e muito trabalho duro”, comemora a agente empossada Karinne Nunes, que é filha de agente penitenciário e espelha no pai a profissional de segurança que deseja ser.

O secretário de Estado da Justiça, Daniel Oliveira, aponta as nomeações como um avanço na área da modernização dos recursos humanos do sistema. “Novos servidores, capacitados, bem treinados e entusiasmados para dar o que têm de melhor para o sistema prisional. Estamos muito felizes nesse ato de posse. A ideia é seguirmos com o cronograma e com novos investimentos na área do sistema penitenciário”, adiantou o gestor.

A nomeação dos novos agentes já prevê a inauguração da Cadeia Pública de Altos, que deve ser concluída em abril deste ano. A unidade penal tem estrutura para abrigar mais de 600 detentos, além de possuir módulos modernos de ensino e de vistoria isolada para o trabalho dos profissionais da segurança penitenciária.

 

Ccom

 

 

Sidebar Informações