CJflash é premiada em SP com o 'case' Cemitério Jardim da Ressurreição

Por: Rodrigo Antunes

Agência participou do Social Media Week São Paulo e levou ouro em todas as categorias, além de vencer o Grand Prix geral dos cases apresentados.

CJflash é premiada em SP com o 'case' Cemitério Jardim da Ressurreição Eudes Júnior e Cyntia Freitas, publicitários e sócios da CJflash

Na noite desta sexta-feira (15) a agência de publicidade piauiense CJflash foi premiada no evento Social Media Week São Paulo.

Ao todo foram 13 cases premiados em categorias como aplicabilidade, impacto, inovação e resultados e mais um Grand Prix com pontuação geral. Esta foi a primeira edição do evento que é um dos mais importantes da área de social media no país e reuniu grandes cases de sucesso.

A agência piauiense apresentou o case Cemitério Jardim da Ressurreição, ou #cemi, como é 'carinhosamente' chamado nas redes sociais, e mostrou como um planejamento estratégico alinhado ao marketing de relacionamento nas redes sociais pode ajudar nas vendas, até de jazigos. A fanpage do #cemi no Facebook conta com mais de 140 mil seguidores, que interagem a cada novo post bem humorado abordando temas atuais, sempre abordando o tema morte de forma diferente.

Com o prêmio, a agência piauiense desbancou grandes cases do Brasil, como Maurcio de Sousa Produções, GOL Linhas Aéreas, Bunge, Lenovo, Cielo, Coca-Cola, dentre outros. Foram 4 ouros nas categorias (aplicabilidade, impacto, inovação e resultados) e por fim o Grand Prix, onde o case recebeu a maior nota dos jurados. A empresa foi representada no evento pelo casal de publicitários e sócios Cyntia Freitas e Eudes Júnior.

Prêmios conquistados pela agência em São Paulo. Foto: Rede Social

As agências participantes do evento foram avaliadas por um corpo de 16 jurados, todos referência e com nomes já conhecidos pela experiência na área, tanto a nível de Brasil, quanto internacionalmente (Abaixo fotos dos jurados. Para saber mais, clique AQUI).

Jurados do Social Media Week São Paulo 2017

Segundo o sócio e publicitário da CJflash, Eudes Júnior, o prêmio avalia o case não somente por uma peça ou uma ação e sim pelo 'conjunto da obra', todo os passos que levaram o case a ser sucesso. 

"Pra nós é algo muito positivo, ter esse trabalho reconhecido, pois nós já víamos esses resultados junto ao cliente, já tínhamos feedbeck dos fãs da página, a gente viu a aderência e a gente viu que o que foi planejado estava sendo cumprindo, estava fazendo seu papel. A gente chegar em São Paulo, um grande centro, e ter uma banca de jurados desse nível e a gente ter sido apontado como o melhor em todas as categorias e ter levado o prêmio de melhor case de mídia social do Brasil, pra gente é muito satisfatório", afirma Eudes Júnior.

O publicitário conta ainda que é frequente a busca da equipe da CJflash por atualizações da área de marketing e social media e aponta o prêmio como um dos resultados do trabalho desenvolvido pela equipe.

"Os resultados estão vindo tanto para o cliente, funcionando com o propósito da rede, quanto com o reconhecimento do nosso trabalho. Isso serve pra gente como uma motivação, pra gente continuar trabalhando e desempenhando esse serviço, levando isso também pra outras contas que a gente já está aplicando. É muito bom para nossa equipe, se sentir valorizada, de certa forma, porque tem o reconhecimento do trabalho e isso tem um pedacinho de todo mundo", explica.

O trabalho da agência no comando das redes sociais do Cemitério Jardim da Ressurreição já havia sido destaque recentemente em sites especializados de marketing, revistas e até no portal da rede inglesa de notícias, BBC.

 

 

 

Sidebar Informações