Prefeitura de Teresina intensifica execução das obras no Parque Ambiental Floresta Fóssil

Por: Veridiana Carvalho

O Parque Ambiental da Floresta Fóssil conta com um raro acervo paleontológico de aproximadamente 270 milhões de anos

Prefeitura de Teresina intensifica execução das obras no Parque Ambiental Floresta Fóssil Foto: Ascom

A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Centro, intensificou a execução do cronograma das obras no Parque Ambiental Floresta Fóssil, localizado às margens do rio Poti.

O empreendimento orçado em mais de R$ 11 milhões prevê a construção de um Museu de Paleontologia e de novas estruturas para dar mais conforto aos visitantes, como estacionamento, plataformas de observação e trilhas.

“Estamos atuando em duas frentes de serviço. A primeira é a de construção do prédio de administração, que já foi todo concretado. A segunda é a do museu, que já foi feita a fundação”, explica Roncalli Filho, superintendente da SAAD Centro.

O Parque Ambiental da Floresta Fóssil conta com um raro acervo paleontológico de aproximadamente 270 milhões de anos, o único no mundo dentro da área urbana com troncos na posição de vida ou de crescimento.

O novo museu do parque contará com uma estrutura moderna, com salão para exposições, banheiros adaptados, salas de apoio a pesquisadores, um auditório, plataforma de observação e outros espaços aos visitantes e funcionários.

A previsão é que a obra seja concluída até o segundo semestre de 2023. “Essa é uma iniciativa muito importante para a nossa cidade, que irá fomentar tanto a importância da preservação ambiental como o turismo”, concluiu Roncalli Filho.

 

 

Sidebar Informações

Destaques