Corpo de bebê é retirado de velório para apurar causas da...

Corpo de bebê é retirado de velório para apurar causas da morte

Por: Rodrigo Antunes

Caso aconteceu em Picos neste final de semana. Família reclama de negligência médica, porém hospital afirma que havia falha congênita no coração do bebê.

Corpo de bebê é retirado de velório para apurar causas da morte Hospital Regional Justino Luz, em Picos. Foto: RiachaoNet

No último domingo (22) um bebê que teria nascido morto foi retirado durante o velório pela polícia na cidade de Picos. A ação se deu após suspeita de que a morte do bebê tenha sido ocasionada por negligência médica, daí a necessidade de levar o corpo para análise de perícia.

Segundo a família, em entrevista à TV Meio Norte, a mãe tem apenas 16 anos e começou a sentir fortes dores. Ao ser levada para o Hospital Regional Justino Luz o corpo médico se recusou a fazer cesariana.

O trabalho de parto normal durou cerca de 6hs e o bebê morreu logo após sair da mãe. Os médicos liberaram o velório, porém após ser registrado um Boletim de Ocorrência por parte da família, a delegada responsável pediu que fosse feito um exame de necropsia no bebê para apurar as reais causas da morte.

O hospital respondeu que foi detectada em um exame de ultrassom uma falha congênita cardíaca, porém não houve tempo pois o diagnóstico só foi detectado quando a mãe já estava em trabalho de parto. Uma cópia do prontuário foi encaminhada à Justiça e a acusação de negligência médica é negada pelo hospital.

 

 

Sidebar Informações