Líder do governo responde a críticas sobre PPP das rodoviárias

Por: Bruna Ferreira

O líder do governo na Assembleia acredita que é preciso mais tempo para poder exigir resultados da administração das rodoviárias

Líder do governo responde a críticas sobre PPP das rodoviárias Deputado João de Deus (PT), líder do governo na Alepi

Os deputados da Comissão de Infraestrutura da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) decidiram propor uma visita às rodoviárias de Teresina, Floriano e Picos para checar o andamento da administração das Parcerias Público-Privadas, onde eles retornaram dizendo e passando a ideia de que a PPP não deu certo, que fracassou.

O líder do governo na Alepi, João de Deus (PT), respondeu às críticas da oposição e declarou que a PPP das rodoviárias foi judicializada, por isso as intervenções que eram pra ser feitas há mais um ano, quando ela foi assinada, só começaram agora depois do carnaval, quando a justiça destravou e autorizou a retomada das obras.

“O que a gente não pode querer é resultados imediatos, diante de tudo isso que aconteceu e como a gente acha que deveria ser, porque a rigor nós temos pouco mais de um ano em que os contratos foram assinados, então tivemos judicializaçao, resistência de permissionários e nesse sentido, é importante dizer que apesar disso tudo, muita coisa já foi feita, como os banheiros, por exemplo, que estão em obras, a iluminação, a escada rolante, estão sendo instalados dois elevadores, então tem muita coisa já acontecendo”, ressaltou o deputado.

João de Deus acredita que é preciso aguardar mais um pouco para avaliação da empresa que assumiu as rodoviárias, diante dos imprevistos que aconteceram. “Eu acredito que nós vamos ter ate o final do ano condições de fazer um balanço com mais propriedade, para podermos chegar as conclusões. Acho que no momento é precipitado chegar a conclusões de que a PPP deu certo ou não deu certo”, finalizou.

A Comissão de Infraestrutura da Assembleia Legislativa discutiu a situação das rodoviárias administradas através de Parcerias Público Privadas (PPP´s), nesta segunda-feira (17). Os deputados fizeram visitas às 3 rodoviárias e registraram várias dificuldades nos terminais que passaram para a iniciativa privada em dezembro de 2015.

 

 

Sidebar Informações