Vereadora crítica quantidade de policiais na guarda do governador

Por: Francisca Pinto

Em resposta, o vereador Dudu (PT) questionou porque a segurança do prefeito Firmino Filho é composta por 55 policiais e não é criticada pela bancada

Vereadora crítica quantidade de policiais na guarda do governador Vereadora Teresa Brito (PV). (Foto: Rodrigo Antunes)

Durante a sessão dessa terça-feira (03), a vereadora Teresa Britto (PV) criticou a quantidade de policiais que trabalham na segurança do governador Wellington Dias e sua família. De acordo com a parlamentar, é grande aparato policial para o governador e nas ruas de Teresina a insegurança tem aumentado.

A fala da vereadora teve reação imediata e uma crítica forte do vereador Dudu (PT). Para o petista, a atitude de sua colega é lamentável. Dudu questiona porque a segurança do prefeito Firmino Filho é composta por 55 policiais e não é criticada pela bancada.

“Esse tipo de ataque, como disse o governador, “fica com Deus” e Ele vai dar a resposta pra esse tipo de ataque e eu só tenho algo a dizer, é lamentável a postura de quem faz esse tipo de ataque e não olha pra o seu próprio umbigo. Quer dizer que fala da segurança da família do governador e 55 policiais que estão lá na guarda do prefeito Firmino é normal? Eu não estou falando da guarda pessoal do prefeito, ele elegeu até motorista policial, é vereador aqui e era segurança dele”, disse.

Vereador Dudu (PT)/Foto: Francisca Pinto

O parlamentar ressalta que espera uma correção por parte da vereadora sobre o assunto. “Espero que ela (Teresa Brito) corrija isso, tenha consciência e que a gente não venda a alma pra o diabo pra conseguir nossos objetivos”.

Dudu ainda explicou que alguns vereadores da casa realizam qualquer negociata para conseguir uma reeleição e por isso tem mandatos engessados e não desenvolvem seus papéis como fiscalizador.

“É lamentável você ter nessa casa, vereadores que não estão desenvolvendo o seu papel como vereador, que de certa forma tem o seu mandado engessado porque para se chegar ao poder e ter a sua reeleição garantida se faz qualquer tipo de negociata e você não ter o que apresentar para a sociedade. Tem vereador que não tem o que o que defender e então começa a atacar, agora quando chega nesse nível do ataque pessoal, pra mim é o pior dos piores de qualquer nível seja na política, seja no pessoal. Porque eu acho que se eu não puder debater com você nas ideias eu não posso baixar da linha de cintura”, finalizou.

 

 

Tópico: Governador

Sidebar Informações

Destaques