Prefeitura não acomoda feirantes da Ceasa de Timon e exige...

Prefeitura não acomoda feirantes da Ceasa de Timon e exige saída em 48h

Por: Rodrigo Antunes

Timon: Reforma do espaço começa, mas prefeitura não acomodou donos de restaurantes, como havia prometido. Comerciantes pedem providências.

Prefeitura não acomoda feirantes da Ceasa de Timon e exige saída em 48h Feirantes na Câmara de Timon. Foto: Rodrigo Antunes/45graus

Permissionários da Ceasa de Timon estiveram na Câmara de Vereadores de Timon nesta quarta-feira (06) para cobrar providências sobre a notificação da prefeitura pedindo para que os comerciantes deixassem o local num prazo de 48 horas.

A saída é por conta do início das obras de reforma do espaço e a informação pegou muitos comerciantes de surpresa, já que a própria prefeitura teria prometido acomodá-los em um loca próximo e apropriado, o que não aconteceu.

O senhor Egídio dos Santos, que já trabalha na Ceasa de Timon há 19 anos, disse ter ficado surpreso e esperava uma resposta da prefeitura antes do pedido de saída do local. Segundo o feirante, alguns permissionários do local receberam local apropriado próximo a Ceasa, sobretudo os do ramo de açougue, porém comerciantes como ele, do ramo de alimentação, não tiveram local definido até agora.

“Disseram pra gente sair até amanhã, mas não temos pra onde ir. Queremos um local pra ficar na Ceasa enquanto passa essa reforma, porque prometeram a nós e não nos disseram mais nada, só que é pra gente sair até amanhã”, disse o senhor Egídio.

No plenário, vereadores se solidarizaram com os feirantes e cobraram da prefeitura ações enérgicas para resolver o impasse. O líder do prefeito na câmara, vereador José Carlos Assunção (PSB) afirmou na tribuna que um grupo de permissionários já estava, no momento da sessão, em reunião com líderes do executivo e com o Ministério Público a fim de resolver a situação. O parlamentar disse ainda que os presentes na sessão teriam uma reunião com ele para repassar ao poder executivo as reivindicações.

“Tem colegas seus que estão nesse momento na casa de governo, juntamente com o Ministério Público e o executivo tentando resolver esse impasse, mas convido os presentes para uma reunião conosco para repassar as reivindicações”, disse o líder.

A reforma da Ceasa de Timon teve ordem de serviço assinada no último dia 30 de maio e tem investimento previsto de até R$ 7 milhões em recursos do Governo do Estado do Maranhão e contrapartida da Prefeitura Municipal de Timon. A assinatura foi feita em um evento grandioso, com a presença do com a presença do Secretário de Infraestrutura do Estado do Maranhão, Clayton Noleto, os deputados Rafael Leitoa e Bira do Pindaré e aliados do prefeito Luciano Leitoa (PSB). A reforma era um sonho antigo dos permissionários, que agora esperam um local digno para permanecer até que as obras terminem. A previsão de entrega é em novembro desse ano.

 

 

Sidebar Informações